SmartLinks

Smart Blog

Afinal as Redes Sociais contribuem ou não para o SEO?

Afinal as Redes Sociais contribuem ou não para o SEO?

Não é incomum a associação feita atualmente entre marketing digital e redes sociais. Mas a verdade é que marketing digital não significa redes sociais.

Da mesma forma, marketing digital não significa google ads ou SEO. Também não é e-mail marketing ou Facebook Ads.

Antes que este artigo se transforme numa explicação detalhada do que é o marketing digital vamos apenas esclarecer o seguinte: o marketing digital pode incluir qualquer um dos canais acima mencionados. Mas, idealmente, todos os canais que estão ativos devem trabalhar em conjunto para o mesmo objetivo.

Fazer esta afirmação é mais fácil do que efetivamente colocá-la em prática. Temos sinergias óbvias dentro do marketing digital e profissionais muito competentes habituados a conjugar diversas skills. Gerem campanhas de Google Ads e Facebook Ads enquanto fazem uma “perninha” em e-mail marketing. Nada de novo. A coisa complica quando o social media manager quer ajudar o especialista em SEO e não sabe por onde começar.

É este o grande objetivo deste artigo: esclarecer o que um social manager de uma agência de marketing digital pode fazer para colaborar com o especialista de SEO de forma a juntos chegarem mais depressa ao objetivo.

Se fizermos algo simples como pesquisar no nosso amigo google, vamos encontrar várias respostas a esta pergunta. E, como seres humanos normais, vamos ficar confusos e perdidos no meio de tanta informação.

Ora é para isso que cá estamos! Existem vários estudos e artigos que falam sobre a contribuição das redes sociais para o SEO.  Um desses exemplos é o artigo publicado pela Moz que descreve os sinais sociais que contribuem para o SEO. A Stone Temple também publicou um artigo sobre a oportunidade de construção de backlinks através das redes sociais. Como agência de marketing digital de performance, gostamos de suportar as nossas conclusões com alguns números por isso vamos basear-nos no estudo da Hootsuite sobre este tema.

A Hootsuite desenvolveu um estudo intitulado “Projecto Elefante”. Porquê Projecto Elefante perguntas? Porque, na realidade, desde 2015 que a Google nega publicamente o efeito direto das redes sociais no ranking das páginas. Então a Hootsuite decidiu falar sobre o elefante na sala e responder à questão: “as redes sociais podem ou não contribuir para melhorar o ranking na pesquisa?”

 

Mão Esticada com fórmulas e estatísticas desenhadas por cima que representam o Projecto Elefante
Projecto Elefante da Hootsuite

Assim para poder iniciar o estudo e responder à questão, a Hootsuite organizou conteúdo (artigos de blogs) e dividiu-o em três grupos:

  1. Grupo de Controlo: (30 artigos que não receberam qualquer publicação orgânica ou promoção paga nas redes sociais. (ou em qualquer outro lugar)
  2. Grupo A (apenas orgânico): 30 artigos publicados organicamente no Twitter
  3. Grupo B (promoção paga): 30 artigos publicados organicamente no Twitter e depois impulsionados durante dois dias com um budget de 100$ cada um.

O passo seguinte da Hootsuite foi promover duas publicações por dia no Grupo A e no Grupo B durante duas semanas. Na semana seguinte analisaram o resultado. Como se pode verificar na tabela abaixo, a visibilidade na pesquisa aumentou nos 2 grupos “impulsionados”: 12% no Grupo A (Orgânico) e 22% no Grupo B (Promoção Paga). Este aumento demonstra a existência de uma correlação forte entre a atividade nas redes sociais e os rankings.

A Hootsuite decidiu aprofundar mais o estudo e comprovar que as redes sociais afetam direta e positivamente os rankings e não influenciam apenas a aquisição de links como comumente dito. Para isso teve de reduzir a amostra e deixar em cima da mesa apenas dois fatores: alteração na classificação e interações sociais. Este afunilamento revelou resultados interessantes. Na realidade, o estudo demonstrou que existe uma correlação positiva entre as interações nas redes sociais e a alteração na classificação. Ou seja, a Hootsuite conseguiu comprovar que as interações sociais melhoram a posição no rank.  

Agora que sabemos que as redes sociais podem ajudar com o SEO, que ações devem ser feitas nas redes sociais para ajudar os especialistas de SEO?

Abaixo encontras duas ações ao nível das redes sociais que contribuem para o SEO:

  1. Qualidade das publicações – não a quantidade – é a chave. As publicações regulares são importantes mas se não estamos a agregar valor para a nossa audiência, o nosso esforço não vale de muito.
  2. Os gestores de redes sociais devem também ter em consideração as vantagens da promoção de publicações na redes sociais para o SEO. Na realidade o estudo da Hootsuite demonstra que a promoção (paga) de publicações beneficia o SEO praticamente duas vezes mais do que as publicações orgânicas.  

Assim, a estratégia de redes sociais deve estar integrada na estratégia de SEO. Se os profissionais se focarem em criar e partilhar conteúdo de qualidade nas redes sociais o resultado será positivo. Afinal de contas, a qualidade é o fator nº1 no ranking da Google.

Na SmartLinks, somos uma  agência de SEO e de redes sociais que pode ajudar-te na tua estratégia de Redes Sociais de forma a que consigas alcançar os teus objetivos ao nível da Otimização dos Motores de Busca – SEO.

 

1 thought on “Afinal as Redes Sociais contribuem ou não para o SEO?”

  1. Cool blog! Is your theme custom made or did you download it from somewhere?

    A design like yours with a few simple tweeks would really make
    my blog jump out. Please let me know where you got your
    theme. Thanks a lot

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Usamos cookies para oferecer a melhor experiência on-line. Ao concordar em aceitar o uso de cookies de acordo com nossa política de cookies.

Privacy Settings saved!
Configurações de Privacidade

Quando visita um site, ele pode armazenar ou recuperar informações no seu navegador, principalmente na forma de cookies. Controle os serviços de cookies pessoais aqui.


São imprescindíveis para navegar no website e garantem uma experiência de excelência. Servem para medição de audiências e possibilitam a divulgação de publicidade sem personalização.

Permitem personalizar as ofertas que lhe são apresentadas, direcionando-as para os seus interesses. Podem ser cookies próprios ou de terceiros. Mesmo não aceitando estes cookies, poderá receber ofertas, mas sem corresponderem às suas preferências. Obtenha uma experiência mais personalizada e completa de conteúdos, que guarda as suas preferências e lhe mostra apenas conteúdos relevantes, contribuindo decisivamente para uma experiência de qualidade superior. Não se preocupe, só enviaremos comunicações que nos solicitar!

Aceitar todos
Rejeitar todos
Scroll to Top